Influencers recebem criptomoedas para impulsionar conteúdo no WhatsApp

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Originalmente publicado em: Veja.abril.com.br

Por Machado da Costa – Atualizado em 31 ago 2020, 19h30 – Publicado em 1 set 2020, 11h00

Influenciadores digitais agora possuem uma nova forma para monetizarem seu trabalho. Uma companhia brasileira criou um sistema de remuneração que paga em criptomoedas pela audiência dos vídeos enviados por usuários do WhatsApp.

A Wibx, que já possui contrato com empresas como Petz, Pic Pay e o estádio Allianz Parque, transfere tokens de criptomoedas para a carteira digital do influenciador à medida que o vídeo viraliza no sistema de mensagens do Facebook. “Por meio de blockchain, agora é possível saber de onde partiu o vídeo e as empresas pagam por isso”, afirma Vagner Sobrinho, CEO da Wibx

Depois, o novo dono dessa carteira pode trocá-los pelos próprios serviços que divulgou ou comprar criptomoedas mais famosas, como Bitcoin.

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site.